TUDO EM STOCK. ENVIOS EM 24HORAS! - Enviamos para todo mundo.
+351 289 701 255
 

 

O que são e para que servem?

Os exercícios de Kegel servem para fortalecer os músculos vaginais, aqueles que contrai quando atinge o orgasmo, e os PC, que servem como apoio da cavidade pélvica (uretra, bexiga, útero e recto).

Manter em boa forma estes músculos é da maior importância para a saúde sexual e bem-estar geral da mulher.

 

Poderá, neste momento, estar a ficar curiosa e perguntar-se a si própria qual será a necessidade de exercitar todos estes músculos. Para melhor entendimento, fizemos uma lista de todos os benefícios para a saúde da mulher:

 

Para todas as mulheres
 

·  Melhora o rendimento sexual, a sensibilidade, a excitação e o prazer tanto feminino como masculino;

·  Facilita a obtenção de orgasmos e aumenta a sua intensidade;

·  Tonifica os músculos, desenvolve o controlo neuromuscular,  melhora a circulação e o estado geral da vagina e zona rectal;

·  Previne, reduz e trata a incontinência urinária;

 

 

·  Previne o aparecimento de hemorroidas;

·  Reduz e ajuda a controlar os dolorosos espasmos relacionados com o vaginismo* e a dispareunia**.

 

 

 

Para as mulheres que desejam ser mães
 

·  Protege a vagina, pois ensina a relaxar e a controlar os músculos durante o parto;

·  Cria as condições necessárias para uma rápida recuperação pós-parto. 

 

 

 

Para as recém-mamãs
 

·  Acelera e melhora a recuperação e cicatrização da vagina após o parto;

·  Ajuda a recuperar a força dos músculos da cavidade pélvica após o parto.

 

Para as mulheres na menopausa
 

·  Prepara o corpo para uma suportável menopausa;

·  Alivia a cistite intersticial*** e as dores vaginais.

 

Para as mulheres com mais idade
 

·  Melhora a elasticidade e a espessura das paredes vaginais;

·  Aumenta a lubrificação natural;

·  Previne e trata o prolapso dos órgãos pélvicos.

 

Como se fazem exercícios de Kegel?
 

Executar exercícios de Kegel é simples. Existem inúmeros exercícios que poderá encontrar na internet, livros ou até mesmo através do seu ginecologista, mas o certo é que poucas mulheres têm tempo para os fazer com regularidade. Além disso, estima-se que um terço das mulheres têm dificuldade em localizar o grupo de músculos a serem exercitados, o que limita, obviamente, os resultados.

 

Como podem ajudar as Bolas Chinesas?

 

As bolas chinesas podem ser usadas como um dispositivo simples e estático, cuja introdução vai ajudar a localizar os músculos PC, e permitir que as mulheres possam seguir uma rotina progressiva de exercícios, sem perturbar a sua vida diária.

Adaptam-se perfeitamente a qualquer estilo de vida e actividades quotidianas como caminhar, correr ou nadar e ajudam a provocar contracções involuntárias dos músculos PC. Estas contracções acontecem em qualquer movimento corporal que faça mover as bolas, criando uma subtil vibração às quais os músculos PC respondem.

Mesmo quando a mulher está sentada com as costas direitas, a própria gravidade provoca contracções reflexas dos músculos PC. O resultado final é uma prática de exercícios que as mulheres podem realizar de forma regular, progressiva e sem esforço.

Para ajudá-la a descobrir os músculos a exercitar de um modo mais simples, deverá colocar uma, ou mesmo as duas bolas na vagina e contrair para sentir que as mesmas estão a ser apertadas. Deste modo, saberá logo quais são os músculos pélvicos a trabalhar.

Após algum tempo a desempenhar os exercícios mais simples e com os músculos mais fortes, poderá tentar outros exercícios ou brincadeiras que requererão um pouco mais de esforço. Neste campo, poderão haver muitos exercícios válidos, dos quais destacamos 2.

1º - Neste exercício deverá colocar as duas bolas na vagina e deitada na cama tentar expelí-las, fazendo a força necessária. Este deve de ser canja.

2º - Este exercício já requer alguma prática. De pé, insira uma das bolas na vagina. Agora, tente através da contracção e descontracção, controlada, dos músculos pélvicos, puxar a outra bola para dentro da vagina. Sim, esta vai levar tempo a conseguir…

Salientamos que deverá controlar bem os músculos a trabalhar. Será comum estar a trabalhar em simultâneo os músculos da esfinge anal, que, se forem solicitados em excesso poderá levar a uma desagradável saída das veias hemorroidas… Não é esse o objectivo aqui!

Nesta altura, até poderá estar a questionar-se sobre o tempo de duração destes exercícios e a frequência dos mesmos. Neste campo, não vamos ser muito rigorosos. Faça os exercícios de modo responsável para que não lhe cause dor, incomodo, ou que sinta que é uma grande rotina. 2 a 3 vezes por semana será mais que suficiente, 15-30 Minutos em cada sessão também.

Utilize sempre um lubrificante de alta qualidade que poderá encontrar no nosso catálogo (Clicando Aqui), e se, enquanto estiver a efectuar os exercícios, aproveitar para desempenhar uma sessão de massagem clitorial, não se sinta culpada, será uma boa altura para saber se os exercícios estão a melhorar os seus orgasmos…wink

Em suma, fortalecer os músculos poderá ser mais simples do que imagina, não dispensa muito tempo do seu dia, não altera a sua rotina diária e contribui para o seu bem-estar a longo prazo.

Agora, experimente colocar as bolinhas na vagina e seguir para o trabalho. De uma forma involuntária, os seus músculos tentarão manter as bolinhas no interior da vagina e estará dessa forma simples e descomprometida, a fortalecer os seus músculos pélvicos heart

Compre agora mesmo, Aqui.

 

* Contracção involuntária dos músculos da porção inferior da vagina que impede a introdução do pénis.

**Dor vaginal persistente ou recorrente durante o acto sexual.

***Condição que resulta em desconforto recorrente ou dor na bexiga e regiões ao redor da pélvis .

 

 

www.cupidosshop.com
A Sex Shop de Portugal